| Voltar |

:: PREVIDÊNCIA ::

Fonte: Ação patrocinada pelo escritório 15/07/2008

FATOR PREVIDENCIÁRIO

DIFERENÇAS DE COMPLEMENTAÇÃO DE APOSENTADORIA PELA CONSIDERAÇÃO DO VALOR EFETIVAMENTE PAGO PELA PREVIDÊNCIA SOCIAL .

Havendo disposição expressa no Regulamento de Benefícios ao qual aderiu a reclamante, de que para o cômputo da suplementação de aposentadoria, por tempo de serviço devem ser "deduzidos os valores da aposentadoria por tempo de serviço, concedidos pela Previdência Oficial", tem-se pela correção da sentença ao pagamento de diferenças de complementação de aposentadoria, em parcelas vencidas e vincendas, considerados os exatos valores percebidos a cada mês, pela autora, a título de proventos oficiais pagos pelo INSS.

Recurso negado.

6ª Turma do TRT 4ª Região. Rosane Serafini Casa Nova - Juíza-Relatora- P roc 00915-2002-001-04-00-0